Para você que gosta de boa leitura, confira o livro que acaba de chegar nas livrarias dos municípios de Brusque e Guabiruba e no Seminário de Azambuja: “O Cotidiano de Uma Vida, Frei Pascoal Dalbosco”.

Com 140 páginas e publicado pela Editora Paulus, a obra é de autoria do formador do Seminário Menor Nossa Senhora de Lourdes e Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora de Azambuja, Pe. Eder Claudio Celva, que já tem outras obras publicadas.

Segundo Pe. Eder, “a vida deste personagem mostra a importância de todo e qualquer humano que nesta terra já pisou – e muitos não deixaram vestígios. Muitos – e com razão – devem se perguntar o porquê deste livro sobre um religioso da Congregação Paulina, filho de agricultores, alguém que não teve mais do que estudo primário, sem ter desfilado sob holofotes – a bem da verdade, até se negando a ser fotografado por máquina fotográfica amadora. Na vida de frei Pascoal não há nenhum tipo de exaltação, triunfalismo. Momentos de alegria ou de dificuldades enfrentadas com a disposição interior de sempre. Desenvolvendo seu trabalho por uma vida longeva no escondimento, um homem que viveu, e vivenciou apenas seu cotidiano, seu dia a dia, na responsabilidade das obrigações e nada mais”.

O Provincial dos Padres e Irmãos Paulinos, Pe. Luiz Miguel Duarte, escreveu o prefácio do livro, transcrito na íntegra abaixo:

Padre Eder publica livro de religioso Paulino

Prefácio

Escrever um livro pode ser exercício prazeroso, mas certamente é tarefa árdua. Torna-se ainda mais exigente quando se trata de compor a biografia de alguém. De fato, se o gênero literário escolhido é romance, então o autor dá asas à sua imaginação e as palavras vão se ajustando umas após outras a serviço do seu enredo previamente pensado. A redação de uma biografia, ao invés, requer maior rigorismo nas pesquisas, um montão de entrevistas e consultas minuciosas a documentos antigos e novos. Foi o empenho a que se propôs o autor desta obra: Pe. Eder Claudio Celva. Armado com um projeto bem definido, entrou em campo para biografar um filho do atual município de Guabiruba, Santa Catarina: membro da Congregação dos Padres e Irmãos Paulinos.

O autor, que de alguma forma tem certo parentesco com o biografado, empenhou-se por horas e horas de vários anos, fez viagens intermunicipais, entrevistou dezenas de pessoas, vasculhou centenas de páginas em documentos oficiais, a fim de elaborar a história de Honório Dalbosco, o Frei Pascoal. Vem à luz um trabalho confiável, bem documentado, escrito com leveza. Estas páginas são o fruto de incansável zelo e intenso esforço do autor; nada mais justo do que reverenciar a quem nos brinda com esta obra singular e valiosa.

Vale a pena munir-se de interesse e sadia curiosidade para conhecer a história de Honório Dalbosco. Não é um homem do passado, mas alguém de nossos dias que, com seu silêncio, suas profundas reflexões e seus vastos conhecimentos, destila incomparável riqueza tanto no nível do saber quanto pelo testemunho de vida como pessoa sempre debruçada sobre enorme volume de trabalho. Deixo ao leitor o prurido intelectual de conhecer nosso cidadão, consagrado e amigo: Honório Dalbosco (Frei Pascoal).

Pe. Luiz Miguel Duarte

Provincial dos Padres e Irmãos Paulinos.

 

 

2 Comments, RSS

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*