Lectio (leitura) – Lc 12, 42

Solenidade de São José (19 de março) – Antífona de entrada da missa
Este é o servo fiel e prudente, que o Senhor pôs à frente da sua família.

Meditatio (meditação)

Rezemos com este versículo bíblico escolhido para antífona de entrada da missa da solenidade de São José, esposo de Maria e pai adotivo de Jesus. Na família de Nazaré, José tem dois tesouros sob sua proteção: sua esposa e seu filho. Sabe que cuida e protege o mistério de Deus, que agora, surpreendentemente, habita sua própria casa, senta-se à mesa ali, trabalha na carpintaria. O Senhor Deus deu a José uma grande honra e uma grande responsabilidade.

Oratio (oração)

Rezo pedindo ao “servo fiel e prudente” São José estas duas graças: a fidelidade e a prudência.

Contemplatio (contemplação)

Contemplo a vida simples da sagrada família, a vida “na sombra” em Nazaré. Coloco-me na casa de José e contemplo sua missão, seu devotamento ao cuidado de Maria e Jesus. E contemplo Maria e Jesus com os olhos de José: que graça e que missão ter tão perto de si o Filho de Deus e poder chamá-lo também de filho.

Missio (missão)

Como José, também eu faço parte de uma família. Aí quero assumir minha missão, contando com a intercessão do pai adotivo de Jesus, pedindo-lhe para mim a prudência e a fidelidade.

Artigo publicado na edição de março de 2021 do Jornal da Arquidiocese, página 10.

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*