Lectio (leitura): Livro da Sabedoria 7, 13-14

“Aprendi a Sabedoria sem maldade e reparto-a sem inveja; não escondo a sua riqueza. É um tesouro inesgotável para os homens; os que a adquirem atraem a amizade de Deus, porque recomendados pelos dons
da instrução”.

Meditatio (meditação)
Aprender a Sabedoria. Repartir a Sabedoria. Não esconder a sua riqueza. Sabedoria com “S” maiúsculo!

Oratio (oração)
Peço a intercessão de São Domingos. Este ano comemoramos 800 anos de sua morte. Foi o fundador da Ordem dos Pregadores, com um grande amor à Palavra de Deus. Peço sua intercessão para que eu também ame a Palavra, ame a Sabedoria de Deus, e busque sempre conhecê-la mais e melhor, conhecer seu tesouro inesgotável.

Contemplatio (contemplação)
Leio novamente o trecho bíblico. Contemplo a Sabedoria de Deus. Contemplo Jesus, Sabedoria de Deus. Peço a Deus a graça de haurir desse tesouro inesgotável. Contemplo o coração de Jesus, no qual estão todos os tesouros da sabedoria. Repouso minha vida no coração de Jesus, pedindo o dom de sua amizade.

Missio (missão)
Um texto sobre a vida de São Domingos diz que “Havia um pedido a Deus que lhe era frequente e especial: que lhe concedesse a verdadeira caridade, eficaz em atender e em favorecer a salvação dos homens”. Inspirado na Palavra meditada e no exemplo deste santo, quero eu também viver a verdadeira caridade: aprender, repartir.

Por Pe. Paulo Stippe Schmitt

Artigo publicado no Jornal da Arquidiocese de agosto de 2021, página 8.

 

 

 

 

 

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*