A Ação Solidária Emergencial “É tempo de cuidar” foi lançada no dia 12 de abril do ano passado, Domingo de Páscoa, com a intenção de ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade alimentar, e entrou em sua segunda fase no último Domingo da Misericórdia, dia 11 de abril, a partir da homenagem proposta pela CNBB em solidariedade às vítimas da COVID-19 que estimulou o repicar conjunto dos sinos das paróquias de todo o Brasil.

Arquidiocese de Florianópolis alcançou números expressivos na primeira fase da campanha. Segundo o site nacional feito para campanha, Florianópolis é a diocese brasileira que mais contabilizou doações na plataforma entre as 140 dioceses cadastradas. Um exemplo dessa expressão se dá nos números da doação de quilos de alimentos: 9,3% dos 5,9 milhões de quilos totais foram registrados pela arquidiocese (582 toneladas). Entre os produtos doados estão também itens de higiene e limpeza, roupas e marmitas.

A Ação Social Arquidiocesana (ASA) conseguiu sistematizar ações solidárias desenvolvidas por 48 entidades sociais com as doações recebidas por paróquias e outras organizações católicas.

Porém, com o passar dos meses, as doações caíram. Com o aumento do número de casos e agravamento da crise financeira diante dos efeitos da pandemia, a solidariedade de todos é fundamental. Para fazer a sua doação, procure a sua paróquia ou a ASA: asafloripa.org.br.

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*