Todas as atividades do Santuário Santa Paulina continuam suspensas, mesmo com o pronunciamento do Governo do Estado de Santa Catarina, através da Portaria 254 de 20/04/2020, que libera atividades religiosas no estado. A determinação do Santuário está em sintonia com a Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição e, também, com a Arquidiocese de Florianópolis e tem como intuito preservar e proteger a vida de todos visitantes, devotos, devotas, colaboradores e colaboradoras, religiosos e religiosas.

A partir do novo decreto estadual, o Santuário criou um planejamento para retomada das atividades, de uma forma gradativa e com mais segurança. Conforme a situação da Pandemia, o cronograma pode sofrer alterações. “Nós, Irmãzinhas da Imaculada Conceição, seguidoras de Santa Paulina decidimos continuar com a suspensão das atividades do Santuário. Estamos sempre pensando na preservação e o cuidado com a vida. Como o próprio filho de Deus nos disse: “Eu vim para que todos tenham vida” (Jo 10,10). Já estamos com saudades de todos os devotos/as e peregrinos/as, mas, nesse momento pedimos a compreensão de todos”, afirma Irmã Anna Tomelin, diretora do Santuário Santa Paulina.

A primeira etapa terá início nesses últimos dias de abril e primeira quinzena de maio, com as seguintes medidas: continuidade da missa diária, às 10h, sem público, no estúdio do Santuário, transmitida pelo Facebook e Youtube; Abertura das portas da Capela Nossa Senhora de Lourdes (Igreja antiga); Visitação a alguns espaços do Parque do Santuário, com uso de máscara, atendendo às orientações estabelecidas pelas autoridades sanitárias, evitando aglomerações.

A segunda etapa tem previsão para iniciar na segunda quinzena de Maio com as seguintes mudanças: Abertura das portas do Santuário, para visitação e oração individual, com as devidas precauções e continuarão as medidas citadas na primeira etapa.

A terceira etapa deverá ter início no final de maio, com as seguintes alterações: início das missas, seguindo as recomendações da Portaria N° 253 e as Orientações da Arquidiocese, com o devido distanciamento, controle de 30% de ocupação; higienização, uso de álcool gel 70° e máscaras. Por fim, a quarta etapa, quando houver o controle da COVID-19 e a situação voltar à sua normalidade, retomaremos a Programação Normal do Santuário.

O comunicado sobre o planejamento da retomada das atividades já consta no site e nas redes sociais do Santuário que informará, através destes canais, sobre qualquer mudança neste plano, seja por decreto governamental ou por outra decisão que vise a preservação da vida. Para qualquer dúvida ou informação você pode entrar em contato pelo telefone e whatsapp: (48) 3267-3030.

Texto e foto: Santuário Santa Paulina

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*