Uma das formas mais conhecidas de manutenção das obras realizadas pela Igreja provém da colaboração dos seus fiéis, através da oferta do dízimo. Porém, com a pandemia do COVID-19 e por consequência do fechamento das igrejas esse recurso está sendo prejudicado. O valor que é recebido é fundamental para a manutenção do espaço físico das igrejas, para o sustento das obras de caridade que são realizadas, para o pagamento das despesas fixas como água, luz e funcionários. Por isso a continuidade durante a quarentena é tão importante.

Algumas paróquias da Arquidiocese encontraram outras alternativas para que seus fiéis tivessem a possibilidade de dar continuidade à oferta do dízimo. É o exemplo da Paróquia Nossa Senhora de Fátima e Santa Teresinha do Menino Jesus, do bairro Estreito, em Florianópolis. Ao final de cada missa que é transmitida através das redes sociais da paróquia, é incentivado que os dizimistas, e quem quiser colaborar com as obras evangelizadoras, que deem continuidade à ofertar o dízimo. Os fiéis podem realizar à oferta do dízimo através de transferência ou depósito bancário em conta corrente em nome da Paróquia, sem precisar sair de casa.

O pároco, Padre Mário José Raimondi, destaca que “utilizar desses mecanismos foi uma forma que encontramos para nos comunicar com nossos dizimistas, dando a eles a oportunidade de cumprir seu compromisso cristão, já assumido por cada um, e assim tentar incrementar um setor que sabemos, é um dos meios que todas as paróquias têm para suprir e sustentar suas necessidades financeiras, a estrutura física, o pessoal de um corpo enxuto de funcionários e as suas obras assistenciais”.

Entre em contato com a secretaria da sua paróquia e se informe sobre como você pode continuar ajudando através do pagamento do dízimo. Sua ajuda é de grande importância para a manutenção e realização das obras evangelizadoras da Igreja.

Matéria publicada na edição de maio de 2020 do Jornal da Arquidiocese, página 10.

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*