DSC_7523Após quarenta dias vivendo o período penitencial e de contemplar o mistério da Paixão e Morte de Jesus, os fiéis puderam finalmente expressar o louvor pela ressurreição do Senhor, na noite deste sábado, 26, na Vigília Pascal. A Solene Celebração aconteceu em todas as paróquias da Arquidiocese e na Catedral foi presidida pelo Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck.

A primeira parte começou do lado de fora da igreja com a benção do fogo e o acendimento do Círio Pascal. Na sequencia, todos adentraram – com suas velas acesas – e acompanharam as leituras selecionadas do antigo e do novo testamento, intercaladas por salmos cantados. Em um momento de grande alegria, houve o canto do glória e acenderam as luzes da Catedral.

Cristo Ressuscitou! Aleluia!

DSC_7574Apoiado na leitura do Evangelho que narra a ressurreição do Senhor, Dom Wilson, em sua homilia, destacou que “a Páscoa nos mostra que deve haver uma transformação na nossa vida. E é um caminho para que essa transformação seja boa; seja para harmonizar tudo em nós”.

Usando a figura do enxerto que se fazem nas plantas, o Arcebispo sugeriu que sejamos enxertados em Jesus “para assim dar bons frutos, a partir das ações de Cristo”, observou. “Na nossa vida por nós mesmos – sem Cristo – vamos sempre produzir fruto azedo. Por nossa própria natureza não conseguirmos produzir os frutos bons como quando estamos em Deus”, reiterou.

Leia também:

“O lava-pés é o ato que mostra toda humildade de Jesus”
Sexta-feira Santa: dia de jejum, silêncio e oração

Daniela e Juliane Mendes receberam os Sacramentos do Batismo, da Eucaristia e da Crisma durante a Celebração

Daniela e Juliane Mendes receberam os Sacramentos do Batismo, da Eucaristia e da Crisma durante a Celebração

A Missa ainda foi marcada pela benção da água e pela renovação do Batismo. Ainda, duas moças foram acolhidas na comunidade dos fiéis através do Sacramento do Batismo que receberam durante a noite.

O Arcebispo concluiu desejando a todos uma Feliz Páscoa e fazendo votos que todos possam ter uma renovação em suas vidas, a partir da ressurreição do Senhor. “Essa Celebração do Aleluia deve ser marcada pela alegria de algo novo ter surgido entre nós, ter surgido em nosso coração”, finalizou.

Veja a galeria de imagens!

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*