Equipe de fiscalização municipal aprovou procedimentos adotados pelo projeto

Quando os primeiros voluntários do Drive Thru do Bem chegaram para o início da quarta edição do projeto, pouco antes das 9h deste sábado, 8 de agosto, no estacionamento da Igreja Matriz, já havia fila de carros no local. Mais do que isso: quem chegou antes acabou deixando sua doação próxima da sede da Ação Social. Apenas na primeira hora de funcionamento, o projeto já havia alcançado o resultado da última edição, com duas toneladas de alimentos recebidas e, até o final da edição, às 17h, foram doados 5.724 kg de alimentos não perecíveis e 653 kg de material de higiene e limpeza.
“Quero agradecer a cada pessoa que ao longo deste dia esteve aqui para trazer sua oferta. Temos alegria ao dizer que arrecadamos mais de seis toneladas. Em meu nome, em nome da Ação Social de nossa paróquia e de muitas famílias necessitadas que serão atendidas graças à generosidade de cada um, muito obrigado. Que Deus abençoe cada um e que este gesto de solidariedade possa ser sempre uma marca forte do nosso povo e da comunidade de Brusque”, agradece o pároco, padre Diomar Romaniv.

Atendimentos dobraram
A assistente social Patrícia Antonietti, que coordena a Ação Social da paróquia, comenta que o número de cadastros de famílias atendidas dobrou desde o início da pandemia provocada pela Covid-19 e a maioria está relacionado ao desemprego ou à redução de salários.
“São muitas as pessoas que precisam de um apoio maior neste momento. Já chegamos a distribuir cerca de 160 cestas básicas por dia”, relata.
Mas o aumento da demanda pelo sustento básico também reflete uma dura realidade: nem sempre há alimentos suficientes para atender a todos. E, nas últimas duas semanas, o estoque da Ação Social estava zerado. Por isso, a realização do Drive Thru do Bem neste sábado era decisiva para a continuidade do trabalho.
“Com esta quantidade de doações, conseguiremos suprir a necessidade das famílias por alguns dias”, comemora.
Patrícia enfatiza os cuidados de segurança e higiene adotados para a realização do evento. Todos os voluntários envolvidos no projeto fazem uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), além do uso frequente do álcool em gel e do distanciamento social. A maioria das pessoas que doam alimentos deixam a oferta no porta-malas ou nos bancos traseiros do veículo e a entrega acontece sem a transferência de mão em mão. O único contato é o cumprimento e o agradecimento, dito de longe, mas cheio de carinho.

Fiscalização
Duas equipes de fiscalização, vinculadas à Defesa Civil, acompanharam a realização do Drive Thru do Bem neste sábado. Eles forneceram aventais descartáveis aos voluntários envolvidos no projeto, além de repassar informações sobre a prevenção do novo coronavírus.
“Tudo ocorreu de forma ordeira, segura e organizada, desde quem trabalha até quem chega para fazer sua doação. Em nome da secretaria de Saúde, gostaria de parabenizar a paróquia pela realização do evento, uma ação importante para a sequência dos atendimentos às famílias que buscam ajuda junto à Assistência Social”, avalia a coordenadora das equipes de fiscalização, Patrícia Sophiatti.

Informações e fotos: Ideia Comunicação Corporativa

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*