Pe. Nildo Dubiella celebrou seu Jubileu de Ouro presbiteral com a missa no dia 3 de julho de 2022, às 10h, na Matriz da Paróquia São Judas Tadeu e São João Batista, na Ponte de Imaruim, em Palhoça. A missa foi presidida pelo Pe. Nildo e concelebrada por Dom Wilson Tadeu Jönck e padres da Arquidiocese. Em seguida, houve o almoço festivo. A celebração foi transmitida pelo Youtube da paróquia. Clique aqui para ver.

Natural de Brusque, Pe. Nildo Dubiella nasceu no dia 4 de fevereiro de 1944. Foi ordenado diácono no dia 16 de janeiro de 1972 e presbítero, no dia 1 de julho do mesmo ano.

A vida pastoral do Pe. Nildo iniciou-se em 1972 como auxiliar na Paróquia de Marinduba no Estado do Paraná. De 1973 a 1979 foi professor e orientador no Seminário Menor de Azambuja, em Brusque. Em 1980 assumiu como pároco na Paróquia Divino Espírito Santo, em Camboriú. Em 1985, tornou-se pároco na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes e São Luiz, na Agronômica, em Florianópolis, tendo sido também Diretor Espiritual da Legião de Maria, em Florianópolis. Em 2000 foi nomeado pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Antônio Carlos. Em 2003, tornou-se reitor do Seminário Propedêutico Edith Stein, em Barreiros, São José, e vigário paroquial da Paróquia Sagrados Corações, também em Barreiros. Em 2006 foi diretor do H.A.C.C.R. de Azambuja, em Brusque. Ainda em 2006 foi nomeado administrador paroquial da Paróquia São José e Santa Rita de Cássia, no Jardim Atlântico, em Florianópolis. Em 2007, tornou-se pároco da Paróquia Nossa Senhora de Fátima e Santa Teresinha do Menino Jesus, no Estreito, em Florianópolis, tendo sido também representante da Comarca do Estreito no Conselho Presbiteral por dois anos. Desde 2016, é vigário paroquial na Paróquia São Judas Tadeu e São João Batista, na Ponte do Imaruim, em Palhoça.

Fotos: Giséli e Marcos – Histórias com carinho

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*