No sábado, 09 de dezembro, o Arcebispo Dom Wilson Tadeu Jönck, scj, recebeu na Cúria Metropolitana, em Florianópolis, as pessoas que atuam voluntariamente com a comunicação em toda Arquidiocese.

O objetivo foi a confraternização do Arcebispo com as pessoas que trabalham voluntariamente na evangelização pelos meios de comunicação. E também, agradecer pela contribuição de todos com a comunicação da Arquidiocese.

Estiveram presentes aproximadamente 33 pessoas representantes de novas comunidades, de colégio católico, do Santuário Santa Paulina e da pastoral da comunicação (Pascom) de diversas paróquias, como também, o representando o Jornal da Arquidiocese, o colunista e professor Carlos Martendal.

Confira o trabalho realizado pela Assessoria de Comunicação da Arquidiocese

Professor e colunista do jornal, Carlos Martendal, encorajou a todos ao lembrar das palavras de Santa Paulina: “Nunca, jamais desanimeis”.

Após o café, Dom Wilson abriu o momento com uma oração por todas as vocações e meditou algumas palavras para os comunicadores. “Vocês têm um dom, o de comunicar. A comunicação se completa quando faz parte da nossa vida. Cristo é o grande comunicador”.

O Arcebispo prosseguiu ao dizer que “devemos buscar as coisas do alto e fazer o bem, mesmo para quem nunca vimos. A primeira coisa que devemos aprender é nos apoiar, para também, aumentar nossa fé. Você tem dons, caso contrário, não estaria nesta mesa.

Logo em seguida, cada um dos participantes destacou as atividades de comunicação que desenvolve onde está inserido.

“Este encontro de confraternização foi um momento muito importante para o trabalho de cada comunicador que esteve presente. Conhecer as diferentes realidades e entender um pouco mais o funcionamento e objetivos da Arquidiocese, junto ao Arcebispo e sua equipe, além de estimular a comunicação, com certeza promoverá mais trabalhos com melhor embasamento”, afirmou o analista de comunicação e marketing do Santuário Santa Paulina, Guilherme Henrique da Silva.

Dom Wilson explicou que deseja maior integração de todos que fazem a comunicação nas suas paróquias, pastorais, novas comunidades, santuários, colégios católicos, pascons, com a assessoria de comunicação e apresentou ainda, alguns eventos que precisam do apoio na divulgação e produção de conteúdo, como o Ano do Laicato, o Projeto Vocacional, a Iniciação à Vida Cristã, o Prêmio Dom Afonso Niehues e as obras sociais da Arquidiocese, os Grupos Bíblicos em Família, o Projeto Rios e as comemorações do dia de Santa Catarina. “Eu quero mais de vocês. Desejo que vocês sejam entendedores da notícia que transmitem”, finalizou o Arcebispo.

4º Seminário de Comunicação aborda “simplificação dos meios, o uso e a acessibilidade” das redes

 

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*