O ano de 2021 foi um ano de grandes desafios para toda a sociedade. Além da pandemia da covid-19, que vitimou milhares de pessoas, o desemprego teve um aumento histórico e a pobreza atingiu números dramáticos. Paralelo a isto muitas entidades sociais deram continuidade em suas ações com o propósito de amenizar essa situação, este foi o caso da Casa de Apoio São José, localizada no bairro Praia Comprida, em São José.

A casa nasceu com o propósito de prestar amparo aos pacientes do Hospital Regional de São José e Instituto de Cardiologia de Santa Catarina, e seus acompanhantes vindos de vários municípios de Santa Catarina e outras localidades, para realizar intervenções médico/hospitalares. O espaço tem a capacidade para acolher dignamente 30 pessoas, homens e mulheres. Além do pernoite são oferecidas na Casa de Apoio quatro refeições diárias, lavação de roupas e local para descanso.

A Casa de Apoio São José é um projeto permanente da Ação Social Arquidiocesana e atualmente é coordenada por um conselho administrativo, que foi eleito em agosto de 2021. Os pacientes e seus acompanhantes chegam até o espaço através da indicação realizada pelo próprio hospital que possui uma parceria com a ASA. Todos os serviços prestados são gratuitos.

A manutenção da casa é realizada por meio dos recursos captados através das vendas dos bazares solidários da ASA. Atualmente a instituição possui dois bazares permanentes, um em São José, localizado ao lado da sede da casa de apoio, e o outro no centro de Florianópolis.

Em 2021, a Casa de Apoio São José completou 4 anos de fundação. Para celebrar a data foi realizada uma missa em ação de graças, que foi presidida pelo Arcebispo, Dom Wilson Tadeu Jönck, e depois foi oferecido um almoço aos colaboradores do espaço e seus voluntários.

No último ano, mais de 19 mil refeições foram servidas na Casa de Apoio São José o que proporcionou um acolhimento seguro e digno aos que precisavam dos serviços prestados ali. A seguir apresentamos um infográfico com os dados dos serviços prestados ao longo de 2021. Confira:

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Giovanna Dutra Meyer/Assessoria de Comunicação ASA

 

 

 

 

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*