“Ministro da Comunhão”: o guardião do projeto vocacional no sul do país

A Pastoral Vocacional Arquidiocesana promove a Hora Santa Vocacional com os Ministros da Comunhão. Será uma grande vigília pelas vocações, que vai ocorrer na próxima quinta-feira, 19, simultaneamente em cada uma das 13 foranias.

No início deste ano, as dioceses dos três estados do sul do Brasil começaram a ação evangelizadora “Cada Comunidade Uma Nova Vocação (CCUNV)”, que engloba algumas iniciativas simples, porém profundas. Uma delas é o compromisso de cada comunidade rezar uma dezena do terço antes de cada um dos encontros e celebrações, nas intenções das vocações sacerdotais religiosas. “A messe é grande, mas os operários são poucos” (Mt 9,38).

Dentro deste projeto, um grupo de lideranças vai ter uma missão importante. Os Ministros da Comunhão estão presentes em todas as partes da Arquidiocese. Eles são chamados a serem os guardiões da CCUNV. Muitos deles, além das visitas aos doentes para a distribuição da Eucaristia, também dirigem os cultos dominicais e outros momentos de oração nas comunidades.

“Os ministros precisam se imbuírem de espírito de muito zelo e oração para as vocações religiosas, e devem recordar às comunidades este compromisso que temos de rezar pela vocações”, ressalta o coordenador da Pastoral Vocacional, Pe. Vânio da Silva.

Informe-se na sua paróquia sobre o local dessa vigília.

Matéria publicada na edição de abril de 2018, do Jornal da Arquidiocese, pág. 09. 

 

Seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios

*